Com moderação de Mário Rogério K. Soares, o 11º Simpósio Internacional de Qualidade Ambiental teve o painel sobre Economia circular: uma nova visão para gestão de resíduos. Experiências Nacionais e Internacionais teve início com a engenheira ambiental Rafaela Craizer, que abordou a Economia circular e reciclagem – Panorama internacional. Rafaela destacou que a economia circular vai muito além da reciclagem dos produtos, neste modelo de economia, as empresas garantem a sua autonomia através da gestão completa do ciclo de vida dos produtos. Em um panorama internacional, a engenheira abordou o pacote de economia circular, aprovado em 2018 pela Europa; as medidas alemãs para abordar os desafios ambientais e as oportunidades para o Brasil, como focar em agricultura de ativos da biodiversidade, os mecanismos para influenciar os processos de design, restrições para despejo em aterro sanitário, entre outros.
O consultor Mateus Mendonça abordou o tema Ferramentas digitais para transparência na aplicação de recursos financeiros no mercado de mineração urbana, comentando sobre a situação do país no plano de resíduos e a necessidade de conceber novos materiais visando toda a cadeia. Mateus destacou também o novo panorama tecnológico, com recolhimento de resíduos por drones, a segregação robotizada e o financiamento do sistema tecnológico, que deve ser utilizado para ampliar as campanhas comunitárias, medir e corrigir o nível de eficiência do serviço prestado e ser um sistema de transparência e controle social na arrecadação e aplicação dos recursos públicos.
Arlindo Falcade, especialista em resíduos sólidos falou sobre as necessidades da reciclagem, com o tema Porque reciclamos mesmo?, abordando as tecnologias e práticas que temos disponíveis, destacando a necessidade das grandes empresas aplicarem práticas sustentáveis e da cúpula da empresas estar engajada com a questão ambiental, não só as cumprindo para exigências de legislação.
Gestor Ambiental e de Sustentabilidade do Hospital Moinhos de Vento, Rogério Almeida da Silva, apresentou o Gerenciamento de Resíduos do Hospital Moinhos de Vento, destacando o plano de resíduos do hospital, os grupos de resíduos e seus destinos finais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *